Índia supera Brasil e se torna o segundo país com mais casos de Covid-19

País enfrenta uma 2ª onda de contágios e registrou um novo recorde diário de infectados, 168 mil, com mais de 938 mil casos nos últimos 7 dias

Por: Sophia Bernardes | 12 abril - 11:21

Nesta segunda-feira (12), o Ministério da Saúde da Índia  registrou um recorde diário de 168.912 infecções por Covid-19, ultrapassando o Brasil e se tornando o segundo país mais afetado globalmente pela Covid.

O país enfrenta uma segunda onda de casos muito mais forte que a primeira, que ocorreu em setembro e não chegou a ter nenhum dia com mais de 100 mil novos infectados.

Foto: Agência Brasil

A Índia atingiu o total de 13,53 milhões de casos, superando os 13,48 milhões de registros do Brasil, os Estados Unidos lideram o ranking com 31,2 milhões.

Segundo país mais populoso do mundo, com mais de 1,3 bilhão de habitantes, Índia é quarto país em número de mortes com 170 mil, atrás de Estados Unidos com 562 mil, Brasil com 353 mil e México com 209 mil.

Remdesivir: Índia proíbe a exportação do remédio antiviral usado contra a covid

Sem lockdown nacional

Após o primeiro lockdown em 2020 ter um forte impacto econômico, o governo do Primeiro-Ministro indiano, Narendra Modi, se recusa a adotar um novo lockdown nacional.

Apesar disso, Modi pediu aos estados que decidissem sobre a imposição de restrições locais para conter a disseminação do vírus.

 Maharashtra, o estado mais rico do país, é o que registra mais casos e adotou diversas medidas, como o fechamento do comércio e a proibição de reunião de mais de quatro pessoas.

A cidade que é centro financeiro da Índia, Mumbai, tem registrado metade dos novos infectados e também adotou um toque de recolher noturno e confinamento nos fins de semana.

Nesta segunda-feira (12), as autoridades de Maharashtra advertiram que um bloqueio total pode ser imposto nos próximos dias se os casos continuarem aumentando.

Vacinação contra Covid

Em meio a aceleração da disseminação da Covid, a Índia é o maior produtor mundial de vacinas e iniciou em janeiro sua campanha de imunização, que demorou a engrenar.

De acordo com Our World in Data, projeto ligado à Universidade de Oxford, a Índia é o terceiro país que mais aplicou doses até o momento, com 101 milhões, atrás apenas de Estados Unidos com 183 milhões e a China que aplicou 164 milhões.

O país passou a restringir a exportação de vacinas contra a Covid-19 para acelerar a velocidade de vacinação, o que tem mostrado resultado.

Índia é o segundo em vacinas aplicadas por dia média de 3,66 milhões na última semana, atrás da China com 3,97 milhões diárias e à frente dos Estados Unidos com 3,11 milhões. Até fevereiro, a média diária era inferior a 500 mil por dia.

LEIA MAIS NOTÍCIAS

Instituto Butantan libera mais 1,5 milhão de doses da CoronaVac para Ministério da Saúde

Covid: Brasil atinge 353,3 mil mortes e média móvel continua acima de 3 mil por dia

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você