Hong Kong retornará imunização com vacina da Pfizer

A decisão ocorreu após a fabricante garantir que um problema de embalagem não afetou o produto

Por: Caroline Ripani | 01 abril - 14:53

Nesta quinta-feira (1), o ministro da Função Pública do governo de Hong Kong, Patrick Nip, anunciou o retorno da vacinação contra covid-19 com o imunizante da Pfizer/BioNTech.

A decisão ocorreu após a fabricante garantir que um problema de embalagem notado na semana passada não afetou o produto.

Vacina produzida pela Pfizer

Foto: Reprodução/Agência Brasil

Nip declarou que “o laboratório alemão BioNTech nos informou que o lote de vacinas em questão não apresenta problemas de qualidade e segurança”. Ainda segundo o ministro “a administração das vacinas BioNTech será retomada na segunda-feira”.

Em 24 de março, o uso do imunizante foi suspenso em Hong Kong após a farmacêutica Fosun, responsável por distribuir a vacina, informar um problema de “cápsulas defeituosas” em alguns frascos de um lote em específico.

De acordo com a ministra da Saúde de Hong Kong, Sophia Chan, os frascos defeituosos foram descartados, e as doses em questão não foram aplicadas.

*Com informações da AFP.

LEIA MAIS NOTÍCIAS:

Efeito da vacina Pfizer dura pelo menos seis meses e protege contra variantes

Pfizer e BioNTech anunciam eficácia de 100% da vacina contra Covid-19 em adolescentes

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você