Coreia do Norte faz novos testes com mísseis balísticos

Informação foi divulgada pelo governo dos EUA, que monitora as atividades nucleares norte-coreanas

Por: Leonardo Fernandes | 25 março - 07:42

De acordo com o governo dos Estados Unidos, a Coreia do Norte realizou novos disparos de mísseis balísticos na última quarta-feira (24). A informação foi dada pela rede CNN, e a inteligência estadunidense ainda está fazendo análises para descobrir quais tipos de mísseis foram utilizados nos lançamentos.

Os disparos foram feitos na região entre a península das Coreias e o Japão, programados e direcionados para o mar. A Guarda Costeira japonesa fez um alerta aos navios da área, para que haja atenção no caso de destroços caírem próximos das embarcações.

Kim Jong-un fazendo discurso

Líder Kim Jong-un dirigindo curso no Comitê Central do Partido, na Coreia do Norte. Disparos fizeram parte de novos testes nucleares. Foto: KCNA

Os Estados Unidos fazem registros e monitoram as atividades dos testes norte-coreanos, com a ajuda de satélites e radares; e tais satélites são potentes ao ponto de detectarem sinais de calor na hora do lançamento dos projéteis.

Mísseis balísticos são o tipo de míssil que segue uma trajetória pré-determinada. Os EUA querem descobrir se o míssil usado pela Coreia da Norte era de curto, médio ou longo alcance. Os mísseis de maior alcance também são conhecidos como Míssil Balístico Internacional (MBIC), e são normalmente desenvolvidos para testes e carregamento de armas nucleares.

Primeiros lançamentos após a posse de Joe Biden nos EUA

Autoridades norte-americanas já esperavam que o governo norte-coreano fizesse um lançamento deste tipo. Além disso, no último fim de semana, dois projéteis já haviam sido disparados; mas que não teriam saído do “espectro” de ações que Kim Jong-un poderia tomar para mandar uma mensagem a Joe Biden.

No dia 16 de março, a irmã do líder norte-coreano enviou uma mensagem aos EUA para que Biden tome cuidado com suas atitudes na presidência. Kim Yo-jong, que é vice-diretora do Departamento de Propaganda, criticou a recente aliança militar entre sul-coreanos e americanos estabelecida no começo do mês.

*Com informações da CNN Brasil

Leia mais notícias:

Coreia do Norte rompe relações diplomáticas com a Malásia

Dória chama Bolsonaro de “psicopata” em entrevista à CNN dos Estados Unidos

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você