Comitê Olímpico diz que compensará países que imunizarem atletas junto com grupos prioritários

O Comitê pretende encaminhar duas vacinas para o PNI para cada atleta vacinado

Por: Leonardo Fernandes | 24 abril - 10:07

O COI (Comitê Olímpico Internacional) divulgou a informação de que irá compensar os países que vacinarem atletas junto dos grupos prioritários, passando-os na frente na fila de vacinação. O Comitê pretende encaminhar duas vacinas para o PNI (Plano Nacional de Imunizações) para cada atleta vacinado.

Nesta sexta-feira (23), o governo brasileiro publicou que irá disponibilizar vacinas para todos os atletas que vão viajar para os Jogos de Tóquio. No total, são cerca de 2.000 pessoas que viajarão ao Japão para as competições.

Foto: COI

Fora os atletas, as comissões técnicas integradas ao Comitê Olímpico do Brasil (COB) também receberão imunização.

“O Comitê Olímpico do Brasil confirma que foi procurado pelo Ministério da Defesa e pelo Comitê Olímpico Internacional para tratar da vacinação da delegação olímpica e paralímpica do Brasil nos Jogos de Tóquio 2020 e está conversando com as entidades para definir o caminho a ser seguido, respeitando o plano nacional de imunização”, diz documento publicado pelo COB.

Os Jogos Olímpicos começam no dia 23 de julho.

Leia mais notícias:

No torneio de futebol feminino nas Olimpíadas, o Brasil está no grupo da Holanda, China e Zâmbia

Fifa define potes do sorteio de grupos das seleções nas Olimpíadas

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você