Caso George Floyd: Jurados devem ouvir argumentos finais do julgamento de Chauvin hoje (19)

A cidade de Minneapolis vive momentos de tensão enquanto aguarda o veredito do julgamento

Por: Murilo Amaral Feijó | 19 abril - 18:20

Nesta segunda-feira (19), os jurados americanos do caso George Floyd devem ouvir os argumentos finais, tanto da acusação quanto da defesa, do julgamento de Derek Chauvin, ex-policial que ajoelhou-se no pescoço de Floyd, durante uma abordagem policial.

O julgamento de Chauvin começou no último dia 29 de março e deve decidir hoje se o ex-policial é culpado ou inocente na morte de George Floyd.

Manifestantes carregando placas com rosto de George Floyd

Foto: Reprodução/Twitter

A acusação aponta que Derek Chauvin, ex-policial branco, ao realizar a prisão de George Floyd, homem negro que estava desarmado, pressionou seu joelho sobre o pescoço da vítima por mais de 9 minutos. O caso aconteceu em 25 de maio de 2020, em Minneapolis, no estado de Minnesota, Estados Unidos.

A defesa de Chauvin afirma que ele apenas seguiu o treinamento que recebeu por 19 anos, no Departamento de Polícia da cidade. Um dia após a morte de Floyd, Chauvin foi demitido da corporação.

12 jurados devem deliberar para decidir se o ex-policial é o responsável pela morte de Floyd ou não. Os cidadãos de Minneapolis, cidade com mais de 400 mil habitantes, já estão preparados para as grandes manifestações que podem acontecer, caso o veredito declare a inocência de Chauvin.

Em 2020, o caso repercutiu no mundo, principalmente nos Estados Unidos. O movimento “Vidas Negras Importam” (Black Lives Matter) tomou conta das ruas do país e a população de Minneapolis espera uma nova onda de manifestações.

LEIA MAIS NOTÍCIAS

Secretário-Geral da ONU diz que EUA devem cortar 50% da emissão de gases estufa até 2030

Estados Unidos liberam vacinação contra a covid-19 para todos os maiores de 16 anos

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo: