Após colapso em Janeiro, Portugal se recupera contra o coronavírus

Governo Português ainda não planeja reabertura

Por: Larissa Placca | 03 março - 21:53

Portugal enfrentou vários dias na liderança mundial em casos e mortes por milhão de habitantes pelo COVID-19. O país chegou a emitir um pedido de ajuda internacional para cuidar de seus doentes no início do ano.

Após medidas restritivas contra o vírus, desde o dia 22 de janeiro, Portugal tem uma das taxas de contágio mais baixas da Europa. Apesar disso, o lockdown segue vigente e ainda não tem data para acabar.

Foto: Patrícia de Melo Moreira/AFP

O cenário de infecções em Portugal passou de 16.432 casos em 28 de janeiro para 979 nesta quarta-feira (3). O número de doentes internados caiu 73% entre 1º de fevereiro e 3 de março.

Além do lockdown, o país promoveu uma ampla vacinação. Atualmente, Portugal ocupa a quinta posição dentre os países da União Europeia em número de doses aplicadas.

O governo está sendo pressionado para a reabertura, contudo, o posicionamento é de que ainda é preciso esperar para retomar as atividades.

“Seria uma ilusão pensar que controlamos tudo, que podemos voltar a partir”, afirmou a ministra da Saúde, Marta Temido, em entrevista.

LEIA MAIS NOTÍCIAS

Dinamarca confirma caso de variante brasileira no país

Doria diz que SP comprará 40 milhões de vacina

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo: