Senado aprova texto-base da PEC do novo auxílio emergencial

O texto prevê um teto de R$ 44 bi; Plenário ainda deverá analisar as sugestões de mudanças para aprovação em segundo turno

Por: Larissa Placca | 03 março - 23:11

O Senado aprovou por 62 votos a 16 em primeiro turno nesta quarta-feira (3) a PEC (Proposta de Emenda à Constituição) Emergencial com um teto, de R$ 44 bilhões, para a nova rodada do auxílio emergencial.

Valor do auxílio emergencial ainda é indefinido

Porém, o plenário da Casa ainda deve analisar as sugestões de mudanças que podem inclusive alterar parte do texto principal. A expectativa era aprovar o texto em segundo turno, ainda hoje (3).

Foto: João Geraldo Borges Júnior

Agentes do Ministério da Economia avaliam que, embora a versão aprovada seja mais enxuta, importa conter no texto a liberação do auxílio junto com os gatilhos (ou seja, medidas a serem acionadas, em caso de crise nas contas públicas.)

Conforme matéria da Metropolitana, o que definirá o valor do auxílio é orçamento deste ano e a aprovação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) nº 186/19.

Depois de aprovada pelos Senadores, a PEC seguirá para a Câmara, onde também precisa passar por dois turnos e com apoio de 60% dos parlamentares.

LEIA MAIS NOTÍCIAS

Governo estuda variáveis para auxílio emergencial

Guedes discute retomar programa de redução de salários

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo: