Vendas de livros sobem quase 20% em um ano

De acordo com levantamento, obras do gênero de ficção foram as mais procuradas

Por: Marina Correa de Genaro | 28 março - 17:34

De acordo com uma pesquisa divulgada pelo Sindicato Nacional dos Editores de Livros (Snel), houve um crescimento nas vendas de 20% entre fevereiro de 2020 e fevereiro de 2021.

Os dados informam que o gênero que tem se destacado é a ficção, as obras cresceram 34,5% em faturamento e 41% em volume.

Livros

Foto: Farley Santos

Entretanto, houve diminuição das vendas dos livros educacionais e infanto-juvenis. No mesmo intervalo de tempo, o faturamento caiu de R$ 121 milhões para R$ 107 milhões.

Monica Carvalho, livreira em São Paulo, relata que o aumento de seguidores nas redes sociais comprovou o interesse dos clientes.

Outro ponto importante informado por Monica, é o apreço por mídias físicas. “Todos nós sentimos claramente um desejo das pessoas de voltarem para o livro físico. O e-book é super legal, mas também é uma tela.”

Para o presidente do SNEL, Marcos da Veiga Pereira, “A discussão sobre a tributação dos livros teve um impacto positivo para a indústria. A reação da sociedade, representada pelo abaixo-assinado #defendaolivro, acabou refletida no consumo. Claramente o brasileiro está lendo mais durante a pandemia”

LEIA MAIS:

Vendas de Xiaomi cresce e a marca se aproxima das líderes do mercado, Apple e Samsung

ANS suspende vendas de nove planos de saúde no Brasil

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você