Covas afirma que não há previsão de retorno das aulas presencias na cidade de SP

O anúncio foi feito durante uma coletiva de imprensa nesta terça-feira (30)

Por: Marina Ponchio Gomes Ferreira | 30 março - 15:09

Em uma coletiva de imprensa nesta terça-feira (30) o prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), anunciou que não há previsão de data para a retomada das aulas presenciais na capital paulista. 

“Ainda não há nenhuma definição da Prefeitura sobre o retorno às aulas. Todo mundo sabe que a atividade de educação é mais do que essencial. Só que nós temos uma preocupação com a vida, é exatamente a área da Vigilância Sanitária que vai informar se já é possível e de que forma é possível retomar.” disse o prefeito.

Bruno Covas

Foto: Divulgação/Governo de São Paulo

No dia 12 de março, Covas anunciou a suspensão das aulas presenciais decorrente do crescente casos de covid-19 no estado que ocasionaram um colapso nos leitos de saúde, a taxa de ocupação já atingiu 90%. Logo depois o prefeito antecipou os feriados na cidade como uma tentativa de aumentar o índice de isolamento.   

Mesmo após uma semana de fase emergencial, taxa de isolamento segue em 43% no estado de SP

Tanto a prefeitura quanto o governo do estado compreendem que as atividades escolares são essenciais para os alunos de todas as idades, mas o retorno não é uma opção enquanto os índices de contaminação não diminuírem.

No dia 27, o governador do estado, João Doria (PSDB), assinou um decreto tornando ‘essenciais’ as atividades de escolas públicas e particulares, mas não estabeleceu obrigatoriedade de presença física nas unidades.  

Medidas para conter a pandemia em São Paulo 

No dia 26, o governador anunciou a prorrogação da fase emergencial em São Paulo até o dia 11 de abril. Na sexta-feira (25), São Paulo bateu novo recorde, e registrou 1.193 mortes por covid-19 em um único dia, ultrapassando 70 mil mortes pela doença desde o início da pandemia.

LEIA MAIS

Transporte metropolitano tem redução de passageiros na fase emergencial

São Paulo irá estender restrições da fase roxa em mais 15 dias

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo: