Vendas do varejo paulista caem 30% em fase emergencial

Cerca de nove em cada dez comerciantes tiveram alívio parcial com a retirada do pedido do estabelecimento e o retorno do auxílio emergencial

Por: Bianca Antunes | 22 abril - 17:54

Entre 15 de março e 11 de abril, durante a fase emergencial do Plano São Paulo, as vendas do varejo paulista tiveram queda de 30%, segundo dados da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Estado de São Paulo (FCDLESP).

De acordo com a pesquisa, cerca de nove em cada dez comerciantes tiveram alívio parcial com a retirada do pedido do estabelecimento e o retorno do auxílio emergencial.

lojas fechadas em lockdown

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

“A fase emergencial trará impactos significativos para o balanço trimestral. Em tempos de total fechamento, é preciso manter a opção de retirada. Isso estimula o consumidor”, diz em nota o presidente da FCDLESP, Mauricio Stainoff.

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você