RJ foi o estado com mais perda em postos de trabalho em 2020

O setor de serviços tem a maior queda da história

Por: Maria de Toledo Leite | 29 março - 20:11

Segundo levantamento feito pela Firjan, o Rio de Janeiro foi o estado com maior perda de postos de trabalho em todo o Brasil. Entre fevereiro de 2020 e janeiro de 2021, foram perdidos mais de 118 mil empregos com carteira assinada. Para o Rio, a Firjan utiliza a mesma metodologia que o IBGE usa para os números nacionais.

Os dados divulgados apontam que o que causou esse resultado foi a queda de 4,8% no setor de serviços em 2020, a maior queda na história do estado. Esse setor inclui o comércio e é o principal motor da economia do Rio.

PIB do Brasil tem maior queda em 30 anos

Calçadão vazio e um banco com uma estátua de um homem no meio

Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil

Por outro lado, o setor de óleo e gás fechou o ano passado com um crescimento de 7%, registrando uma produção recorde de 2,8 milhões de barris de petróleo por dia. Esses números geraram altos lucros da Petrobrás e uma atuação da economia melhor do que toda média nacional.

O PIB do estado, porém, caiu em 3,8%. Enquanto isso, o do Brasil teve uma queda de 4,1%.

Outro setor que apresentou queda foi o de construção civil. No estado do Rio de Janeiro, os números caíram 7,2%, mesmo o setor tendo retomado um pouco no segundo semestre de 2020.

Esse é um dos setores que mais geram empregos e foi o que mais fechou postos de trabalho na indústria do Rio, o que causou preocupação nos trabalhadores.

LEIA MAIS NOTÍCIAS:

Governo mantém estimativa para aumento do PIB em 3,2%, mas prevê alta na inflação

BC reduz a projeção de crescimento do PIB brasileiro em 2021

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você