Programa de redução de salários sairá ‘em breve’, confirma equipe econômica

O BEm (Programa Emergencial de Manutenção do Emprego e da Renda), será publicado "em breve".

Por: Bianca Antunes | 23 abril - 16:39

Secretários do ministro da Economia, Paulo Guedes, confirmaram que a renovação do programa de manutenção de emprego e renda por acordos de suspensão do contrato de trabalho ou redução de jornadas e salários, o BEm (Programa Emergencial de Manutenção do Emprego e da Renda), será publicado “em breve”.

“Dado o mérito da proposta e suas especificidades, que se configuram como crédito extraordinário, a medida será brevemente reeditada com toda a segurança jurídica e capacidade de resposta que a sociedade demanda no momento”, disse o secretário especial de Fazenda, Waldery Rodrigues.

carteira de trabalho

Foto: Agência Brasil/Divulgação

A equipe econômica aguardava a sanção do Orçamento para enviar ao Congresso um pedido de credito extraordinário de R$ 10 bilhões para bancar o programa. No ano passado, o programa custou R$ 33,5 bilhões aos cofres públicos e resultou em quase 11 milhões de acordos entre empregadores e trabalhadores.

“Sempre temos como diretrizes atender os mais vulneráveis e a o mesmo tempo ter uma gestão fiscal responsável”, disse Waldery.

LEIA TAMBÉM:

Censo 2021 não será realizado por falta de recursos, confirma governo

Multa por discriminação salarial pode tornar emprego para mulheres ‘quase impossível’, diz Bolsonaro

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo: