Polícia investiga furto de 200 doses da CoronaVac em São João de Meriti, no RJ

Por enquanto, eles já ouviram o depoimento de 10 profissionais da Saúde

Por: Aline Bueno Silvestre | 15 abril - 19:40

Na noite de quarta-feira (14), um posto de saúde em São João de Meriti, na região metropolitana do Rio de Janeiro, registrou o furto de 200 doses da vacina CoronaVac, contra a Covid-19.

Segundo a Secretaria municipal de Saúde, todos os profissionais que trabalhavam aplicando a vacina no local foram afastados durante a investigação. Até o momento, 10 foram ouvidos pela Polícia Civil do Rio de Janeiro.

200 doses de CoronaVac são furtadas em São João de Meriti, no RJ

Foto: Viktor Braga/Universidade Federal do Ceará

Além disso, o delegado responsável pela investigação, Evaristo Pontes, disse que não há câmeras no posto nem nos locais onde as doses ficam guardadas. 

*Com informações do G1.

Roubo de vacinas pelo Brasil

A situação não é um caso isolado. No dia 22 de março, homens armados roubaram vacinas na UBS (Unidade Básica de Saúde) em Natal, no Rio Grande do Norte. A quantidade estimada do roubo foi entre 20 e 40 doses.

Além disso, 98 doses foram roubadas na região sul de São Paulo no dia 24 de março. Um homem armado rendeu uma funcionária para conseguir roubar as vacinas. No Rio de Janeiro, isso também já aconteceu. 

Em 5 de abril, um homem invadiu um posto de saúde na zona norte e roubou 5 frascos, com 10 doses de vacina. Ele também levou um computador da unidade.

LEIA MAIS:

Covid: Brasil contabiliza mais de 365 mil mortes desde o início da pandemia

Aplicação da 1ª dose de vacina contra Covid é suspensa em 6 capitais por falta de imunizantes

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você