Polícia Federal apreende em Goiás mala com mais de R$ 800 mil durante operação contra fraudes no auxílio emergencial

Criminosos teriam desviado R$ 13 milhões em precatórios e R$ 2,7 milhões em tentativas de saques

Por: Marina Correa de Genaro | 31 março - 15:04

Na manhã desta quarta-feira (31), a Polícia Federal apreendeu uma mala com mais de R$ 800 mil em Goiânia. A apreensão aconteceu durante Operação “ET Caterva” que investiga fraudes de mais de R$ 15 milhões no recebimento do auxílio emergencial e em precatórios judiciais.

Entre os suspeitos há funcionários públicos e advogados. Os nomes dos suspeitos não foram informados.

Mala apreendida em Goiás

Foto: Divulgação/Polícia Federal MT

De acordo com as investigações, os criminosos teriam desviado R$ 13 milhões em precatórios e R$ 2,7 milhões em tentativas de saques. Além de Goiás, os mandados foram cumpridos em outros 11 estados.

Foram cumpridos pelos policiais 12 mandados de prisão, 77 mandados de busca e apreensão e sequestro de bens.

Segundo a PF, foi apontado na investigação que a organização criminosa se aliava a servidores de uma instituição bancária, que forneciam informações sobre o precatório à disposição para saque.

Operação “ET Caterva”

É uma expressão em latim, utilizada de forma pejorativa, que denota a ideia de um grupo de comparsas, visto que a investigação identificou um grupo de pessoas que se uniram no propósito de cometer os delitos.

Precatórios judiciais

O precatório é uma espécie de requisição de pagamento de determinada quantia a que a Fazendo Pública foi condenada em processos judicial, para valores totais acima de 60 salários mínimos por beneficiário. A Requisição de Pagamento é encaminhada pelo Juiz da execução para o Presidente do Tribunal.

LEIA MAIS:

Juiz determina busca e apreensão das vacinas Pfizer compradas clandestinamente em BH

São Paulo antecipa vacinação de idosos de 68 anos para sexta-feira

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você