MPF pede que Justiça restrinja a circulação de pessoas durante a semana santa

O pedido também requer que a União faça avaliações semanais sobre a necessidade de restrições temporárias de entrada e saída do país

Por: Caroline Ripani | 28 março - 16:21

No último sábado (27), o Ministério Público Federal (MPF) pediu à Justiça Federal, que implementasse medidas restritivas visando conter a circulação de pessoas durante a semana santa, que vai de 1° até 4 de abril.

No documento protocolado, o MPF cita o número de casos e mortes pelo novo coronavírus no mês de março, e chama atenção para o possível descontrole ao longo do feriado.

Veículos em rodovia

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Segundo o MPF, durante a semana santa só ficaria autorizada a circulação em rodovias federais, de transportes de cargas e mercadorias, produtos agropecuários, insumos para indústrias, pessoas doentes, profissionais da saúde, agentes de segurança pública e do sistema penitenciário que estejam em serviço.

O pedido também requer que a União, juntamente de agências reguladoras, faça avaliações semanais sobre a necessidade de restrições temporárias de entrada e saída do país, por meio de portos, aeroportos e rodovias.

O juiz plantonista da Justiça Federal, Diego Câmara Alves, que recebeu o pedido, decidiu encaminhar o caso à 3ª Vara Cível da Seção Judiciária do Distrito Federal.

LEIA MAIS NOTÍCIAS:

Prefeitura do Rio registra 736 autuações no primeiro dia do feriado

340 autuações foram feitas em SP desde o início da fase roxa

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você