Metrô de São Paulo tem primeiro vagão preparado contra a covid-19

No líquido utilizado para a higienização há a nanoprata, uma substância que promete eliminar o coronavírus de superfícies

Por: Bianca Antunes | 21 abril - 17:46

O metrô de São Paulo higienizou um de seus vagões com uma substância especial para matar o vírus da covid-19. A expectativa do governo é fazer com que todas as 163 composições sejam higienizadas da mesma maneira.

No líquido utilizado para a higienização há a nanoprata, uma substância que promete eliminar o coronavírus de superfícies. “O vírus que encostar naquela superfície é inativado”, explicou Ricardo Bastos, diretor da BioForcis Soluções Tecnológicas.

Foto: Divulgação/Governo de São Paulo

Foi por meio de uma parceria com empresa que já fornece a nanoprata para hospitais que o metrô de São Paulo colocou a tecnologia em um de seus 160 trens. Além da higienização, que deve ter manutenção a cada 15 dias, foi colocada uma película com a substância em barras de apoio, janelas e portas.

LEIA MAIS:

São Paulo: Operação fecha festa clandestina com 120 pessoas dentro de bar

São Paulo: É inaugurada UPA com usina de oxigênio na zona sul

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:


Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você