Mesmo após uma semana de fase emergencial, taxa de isolamento segue em 43% no estado de SP

A medida, que foi adotada no dia 15, segue sem grandes resultados para a pandemia

Por: Aline Bueno Silvestre | 23 março - 21:38

Na segunda-feira (22), uma semana após as medidas de restrição serem adotadas no estado de São Paulo, a taxas de isolamento continuou em 43%.

Quando as restrições começaram a valer, na segunda-feira (15), a taxa também era de 43%. Durante a semana, alternou entre 43% e 44%. Agora, voltou para valor inicial.

Taxa de isolamento no estado de SP se mantem em 43%

Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil

No final de semana mais letal da pandemia no Brasil, a taxa de isolamento foi de 47% e 51%, respectivamente. A expectativa é elevar para mais de 50%.

Os dados foram divulgados pelo Sistema de Monitoramento Inteligente do governo e publicados no G1. 

Nesta terça-feira (23), o estado bateu novo recorde e chegou a 1.021 mortes em um dia. Na cidade, mesmo criticado pelo governador João Dória (PSDB), o prefeito Bruno Covas (PSDB) permanece na decisão dos feriados adiantados, para tentar conter o avanço da pandemia da COVID-19.

LEIA MAIS:

Estado de SP chega a 421 na média móvel de mortes e 67 cidades não têm leito de UTI

Brasil registra dia mais letal da pandemia, com 3.251 mortes em 24 horas

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você