Governo de SP anuncia prorrogação da gratuidade do programa Bom Prato

Pessoas em situação de rua podem consumir refeições nos restaurantes do programa de forma gratuita até julho

Por: Marina Ponchio Gomes Ferreira | 14 abril - 13:17

O Governador de São Paulo, João Doria (PSDB) anunciou nesta quarta-feira em uma coletiva de imprensa, no Palácio dos Bandeirantes (14) que o governo vai oferecer gratuidade em três refeições nos restaurantes do programa Bom Prato para pessoas em situação de rua. 

Antes a previsão era que a gratuidade do programa iria até o dia 30 de abril, entretanto, o governo do estado prorrogou até o dia 31 de julho.  

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Ao todo são 59 restaurantes em todo o estado de São Paulo que fazem parte do programa. Segundo o governador são servidas 115 mil refeições por dia, e mais de 3 milhões entregues por mês. 

O funcionamento acontece sem interrupções, nos sete dias da semana, incluindo os feriados, oferecendo o café da manhã, almoço e jantar. 

A secretaria de desenvolvimento social do estado de São Paulo, afirmou que, pessoas em situação  de rua, podem consumir as refeições sem pagar  os 50 centavos no café da manhã e o R$ 1 no almoço e jantar, exigidos como forma de taxa. 

Segundo a secretaria: “Desde que ampliamos o programa,  já somamos mais de  35 milhões de refeições, muito bem preparadas e de alto valor nutricional, são 1200 calorias cada uma das refeições”. 

LEIA MAIS

São Paulo anuncia início da vacinação de pessoas de 60 a 64 anos contra o coronavírus

SP pretende vacinar todos os profissionais de ensino acima de 47 anos até o final de abril 

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:


 

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você