Conta de luz terá reajuste médio de 8,95% para clientes da CPFL em São Paulo

A empresa é responsável por distribuir energia para 234 municípios do interior paulista

Por: Caroline Ripani | 22 abril - 14:28

Nesta quinta-feira (22), a Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) aprovou um reajuste médio de 8,95% na conta de luz dos clientes atendidos pela CPFL (Companhia Paulista de Força e Luz). A empresa é responsável por distribuir energia para 234 municípios do interior do Estado de São Paulo.

O reajuste médio para os consumidores de alta tensão, como os industriais, será de 9,6%. Já para os consumidores de baixa tensão – comerciais e residenciais – a fatura terá uma alta média de 8,64%.

Pessoa trocando lâmpada

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Segundo o diretor da Aneel, Efrain da Cruz, o reajuste não foi maior devido a alguns mecanismos desenvolvidos pela companhia para reduzir os impactos tarifários neste ano.

Entre eles estão a reversão dos valores da conta-covid, que totalizou um impacto estimado em -7,62%, e a alteração do cronograma de pagamento de indenizações às transmissoras, que resultou em redução tarifária de 1,39%.

Os reajustes, que ainda serão confirmados no Diário Oficial, devem começar a valer a partir desta quinta-feira (22) para mais de 4,6 milhões de unidades consumidoras atendidas pela CPFL.

*Com informações do Estadão.

LEIA MAIS NOTÍCIAS:

Beneficiário poderá usar PIX para movimentar dinheiro do auxílio emergencial

Mercado prevê PIB em 3,04% e inflação a 4,92% em 2021

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo: