Agressão contra mulher: Governo de SP faz acordo com TJ para compra de tornozeleira para investigados

O protocolo foi assinado pelo governador de São Paulo, João Dória, nesta quinta-feira (22)

Por: Aline Bueno Silvestre | 22 abril - 21:41

O governo de São Paulo fez um acordo com o Tribunal de Justiça (TJ) para a compra de tornozeleira para investigados de agressão contra mulheres e de equipamento para acionar a polícia caso o agressor invada o espaço limite da vítima.

O termo foi assinado por João Dória (PSDB), governador do estado, nesta quinta-feira (22). No protocolo, o governo fica responsável por comprar as tornozeleiras que devem ser usadas pelo Judiciário. O objetivo é prevenir e punir a violência contra a mulher.

Governo de SP faz acordo com o TJ para compra de tornozeleira eletrônica para acusados de violência contra mulher

Foto: Reprodução/Pixabay

Com o equipamento para acionar a polícia, as mulheres vão poder ter um distanciamento obrigatório do agressor, o que pode diminuir a agressão. No entanto, não foram divulgadas as quantidades que serão compradas.

Segundo o secretário da Justiça e Cidadania, Fernando José da Costa, 536 mulheres foram vítimas de agressão a cada uma hora no Brasil. ”A assinatura desse termo será um passo importante e eficaz no combate à violência contra a mulher”, disse Fernando.

*Com informações do G1.

Entenda as principais leis a favor das mulheres e o crescimento da violência doméstica no Brasil

Assédio e violência contra a mulher

Segundo uma pesquisa, 6 em cada 10 mulheres sofrem assédio no cotidiano. Além disso, no Rio de Janeiro, a cada 6 horas uma mulher é vítima de estupro e as vítimas de feminicídio morrem a cada 4 dias. Leia a matéria completa.

De acordo com João Dória, o estado tem 137 delegacias da mulher, com 10 funcionando 24 horas por dia.

LEIA MAIS:

Quatro mulheres parlamentares denunciam casos de violência política

Em decisão inédita, deputado Fernando Cury é suspenso por 6 meses por assédio a Isa Penna

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você