Trânsito aumenta e taxa de isolamento permanece estável em SP, mesmo com restrições e recorde de mortes

O estado está na fase emergencial do Plano São Paulo e registrou recorde de ocupação de UTIs

Por: Murilo Amaral Feijó | 24 março - 20:22

Na última terça-feira (23), o estado de São Paulo registrou 1.021 mortes por covid-19, em 24h. No mesmo dia, a taxa de isolamento social permaneceu em 45% e o trânsito na capital paulista aumentou.

Segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), foi registrada nesta terça uma média de lentidão de 18 quilômetros, dois a mais em comparação à semana passada. Na terça passada (16), o número de veículos nas ruas era de 4 milhões, enquanto ontem esse número subiu para 4,3 milhões.

Taxa de isolamento em SP continua a 43% mesmo após uma semana de fase emergencial

Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil

Na semana passada, a taxa de isolamento em São Paulo ficou em 44%. Ontem, essa taxa subiu para 45%. A expectativa do governo estadual era que, com a fase emergencial, essa taxa aumentasse e a disseminação do vírus diminuísse.

As expectativas não foram atingidas e, nesta quarta-feira (24), o estado registrou que 92,3% dos leitos de UTIs para pessoas contaminadas pelo coronavírus estão ocupados. Na Região Metropolitana de São Paulo, essa taxa está em 92,2%.

A princípio, a fase emergencial deve terminar no dia 30 de março, mas o Centro de Contingência do Coronavírus pretende prorrogar as medidas por mais 15 dias. Até o momento, nenhuma prorrogação foi anunciada.

LEIA MAIS NOTÍCIAS

Anvisa autoriza Butantan a fazer teste em humanos de soro contra a Covid-19

Morre de Covid o ex-deputado federal Haroldo Lima

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você