“Temos que seguir com restrições”, afirma secretário da Saúde de SP

Jean Gorinchteyn afirmou que já é possível analisar algumas quedas nos números da Covid-19

Por: Aline Bueno Silvestre | 07 abril - 19:23

O secretário da Saúde do estado de São Paulo, Jean Gorinchteyn, afirmou, nesta quarta-feira (7), que o devemos continuar seguindo com as restrições de isolamento. 

“Temos que seguir com restrições. No estado de São Paulo, estamos tendo apoio da população: chegamos a 53% da taxa de índice de isolamento. É isso que temos que olhar, as medidas implementadas estão impactando nos números”, disse o secretário para a GloboNews.

Secretário da Saúde de SP afirma que temos que seguir com as restrições da Covid-19

Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil

Apesar disso, Jean não comentou sobre a fase emergencial, que está prevista para acabar dia domingo (11). Ela entrou em vigor no dia 15 de março e ainda está sendo seguida. Além disso, Gorinchteyn falou sobre a queda em alguns números da Covid-19 no estado.

“O comparativo entre a 13ª e a 12ª semana epidemiológica mostrou uma queda no número não só de casos em 3%, o número de internações em 5,4% e também, à despeito de termos um incremento no número de óbitos, eles desaceleraram”, afirmou.

*Com informações do G1.

A situação da pandemia no estado de SP

O estado ainda está com a taxa de ocupação de leitos na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) acima de 90% pelo 22º dia seguido. Leia a matéria completa desta terça-feira (6). No mesmo dia, no entanto, o número de altas médicas superou o de internações.

Em coletiva desta quarta-feira (7), o governador do estado, João Dória (PSDB), anunciou a criação do programa “Bolsa do Povo”, que deve unificar programas já existentes e chegar a R$500. Ele anunciou também a compra de oxigênio e garantiu que o Butantan vai produzir vacinas apenas para São Paulo a partir de setembro.

LEIA MAIS:

UFMG descobre possível variante do coronavírus com 18 mutações em BH e Região Metropolitana

Em uma semana, média diária de mortes por covid-19 de abril já ultrapassou a de março

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você