São Paulo: Kit-intubação enviada pelo Ministério da Saúde só dura 12 horas

Quantidade liberada de anestésicos e bloqueadores pelo governo federal é apenas 25% do que foi prometido

Por: Sophia Bernardes | 29 março - 14:53

Mesmo após às cobranças feitas ao Ministério da Saúde referente a falta de medicamentos para intubação dos pacientes com Covid-19.

De acordo com João Dória, a pasta liberou apenas 65,7 mil ampolas de anestésicos e bloqueadores, essa quantidade representa 1,9% da demanda mensal da rede pública paulista, que é de 3,5 milhões de ampolas.

Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil

Os medicamentos enviados ao Governo de São Paulo, são suficientes para o atendimento da demanda por apenas 12 horas e representam 25% do que o governo federal havia prometido liberar para o estado.

A postura do Ministério da Saúde fez com que o Governo do estado ficasse insatisfeito, reclamando da baixa quantidade de anestésicos e bloqueadores musculares enviados para o estado.

LEIA MAIS NOTÍCIAS

Governo Bolsonaro: relembre as ações dos ministros de Saúde

Comércio do Distrito Federal reabre após um mês de restrições

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você