Queiroga escolhe médico contra cloroquina para fazer protocolo de covid-19 do país

Carlos Carvalho é um dos maiores críticos da utilização de cloroquina contra a covid-19

Por: Bianca Antunes | 25 março - 14:21

Na entrevista coletiva desta quarta-feira (24) o novo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, anunciou Carlos Carvalho para a coordenar um grupo sobre protocolos de combate a covid-19 no país.

Em abril de 2020, o médico comparou a eficácia da cloroquina à da Novalgina contra a covid-19, ou seja, nenhuma.

Foto: Divulgação/iStock

Carvalho é um dos maiores críticos sobre a utilização da cloroquina contra a covid-19, tratamento defendido por Jair Bolsonaro (sem partido). O médico aponta desde o início da pandemia que não há comprovação de eficácia do medicamento.

Carlos Carvalho e é professor da Universidade São Paulo (USP) e chefe da divisão de pneumologia do InCor. Queiroga pediu para que ele levasse os protocolos utilizados no Hospital das Clínicas e no InCor para todo o Brasil.

Apesar de ter sido anunciado pelo ministro, o médico afirma que não terá nenhum cargo específico. “Me comprometi a ajudar nesse momento crítico. Não farei parte de ministério”, afirma Carvalho em entrevista à BBC News Brasil.

LEIA MAIS:

7 em cada 10 pessoas internadas por covid-19 têm sequelas por até 5 meses, diz estudo

Pacientes vão para fila de transplante de fígado após uso de ‘kit covid’

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você