Queiroga é recebido com protestos por estudantes na USP

Estudantes questionam quais serão medidas adotadas pelo novo ministro da saúde e gritam "Bolsonaro genocida"

Por: Sophia Bernardes | 25 março - 13:24

O novo Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga fez uma visita à USP nessa quinta-feira (25) para uma reunião com 72 professores da instituição, em seu primeiro dia de compromissos oficiais.

A presença de Queiroga foi marcada por protestos dos alunos, com cartazes lembrando os mais de 300 mil mortos desde o início da pandemia e entoando gritos de “Bolsonaro genocida” e “mais vacina e menos cloroquina”. Também foram exibidos cartazes pedindo pelo auxílio emergencial à população e por um lockdown no país.

Ministro da saúde Marcelo Queiroga

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Os estudantes questionam quais serão medidas adotadas pelo novo ministro da saúde, Marcelo Queiroga, para reverter o avanço da pandemia.

Primeiro dia de agenda

No primeiro dia de agenda oficial à frente do Ministro da Saúde, Queiroga cumpre agenda em São Paulo e no Rio de Janeiro, pela manhã visitou o Incor (Instituto do Coração), o Hospital das Clínicas e a Faculdade de Medicina da USP.

No Incor, o Ministro fez declarações sobre a importância da ciência e do SUS ao lado do ministro da Educação, Milton Ribeiro, e do secretário de Saúde do Estado de São Paulo, Jean Gorinchteyn.

“É necessário a união de todos com base na ciência, com base no humanismo para que consigamos superar essas dificuldades. O compromisso do estado brasileiro com saúde e educação é constitucional e é através da educação e da saúde que vamos fortalecer o nosso SUS para levar políticas públicas que tenham concretude para ajudar a nossa sociedade”, disse.

LEIA MAIS NOTÍCIAS

“Não sou maquiador, sou médico”, diz ministro da saúde sobre mudanças no sistema de registro de óbitos por Covid-19

Alemanha volta a registrar grande número de casos de covid-19

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você