Pfizer e BioNTech iniciam teste de vacina em crianças menores de 12 anos

A farmacêutica americana e a empresa alemã começaram os testes da vacina contra a covid-19 ontem (24)

Por: Murilo Amaral Feijó | 25 março - 16:37

A Pfizer e a BioNTech anunciaram nesta quinta-feira (25) o início dos testes da vacina contra a covid-19 em crianças menores de 12 anos.  A expectativa do laboratório é iniciar a vacinação para essa faixa etária até o início de 2022.

Segundo a porta-voz da farmacêutica Pfizer, Sharon Castillo, os primeiros voluntários receberam as doses na última quarta-feira (24). Até o momento, o teste está no estágio inicial.

Vacina produzida pela Pfizer

Foto: Agência Brasil

A vacina produzida pela Pfizer em parceria com a empresa alemã BioNTech, que já foi registrada no Brasil pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), é aplicada nos Estados Unidos em pessoas acima de 16 anos.

De acordo com o Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA, mais de 60 milhões de doses do imunizante já foram administradas no país.

Os testes da Pfizer/BioNTech foram iniciados após a farmacêutica Moderna também iniciar testes em crianças, no último dia 16 de março. Enquanto a vacina Pfizer/BioNTech foi liberada para maiores de 16 anos, a vacina produzida pela Moderna foi liberada apenas para maiores de 18 anos, nos EUA.

144 crianças entre 6 meses e 12 anos participarão dos testes iniciais e intermediários da Pfizer/BioNTech, que planeja aplicar duas doses em três dosagens diferentes: 10, 20 e 30 microgramas. Nos testes finais, 4.500 voluntários devem participar de um teste avançado para averiguar a segurança e as reações imunológicas.

LEIA MAIS NOTÍCIAS

CoronaVac parece ser segura e capaz de provocar reações imunológicas em crianças e adolescentes

Índia diminui exportações de vacinas para acelerar vacinação no país

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você