Para vice-governador de SP, Brasil pode bater outro recorde de mortes por Covid-19

Rodrigo Garcia alertou que ainda há muitas semanas de dificuldades pela frente no combate ao coronavírus

Por: Leonardo Fernandes | 08 abril - 10:52

Em entrevista à GloboNews na manhã desta quinta-feira (8), o vice-governador de São Paulo, Rodrigo Garcia (DEM-SP) falou sobre um possível aumento no recorde de mortes causadas pelo coronavírus no Brasil. De acordo com Garcia, este número pode crescer, e que não haverá liberação total no estado de SP tão cedo.

Na última terça (6), São Paulo registrou 1.389 mortes pela covid-19, e o Brasil chegou a 4.211 mortos em 24h. Desde o começo da pandemia, estes são os maiores picos registrados até agora. “Com muita responsabilidade, o governo de São Paulo tem agido com relação à pandemia, e vamos continuar assim. Nós ainda temos algumas semanas pela frente, de muita dificuldade”, disse.

Leia mais: Alesp aprova projeto de lei sobre a compra de vacinas pelo governo de SP

Estado de SP registra 270 mortes no domingo mais letal da pandemia

Centro de São Paulo com pouco movimento. De acordo com o vice-governador do estado, um “liberou geral” das medidas restritivas não é viável no momento. Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil

Rodrigo Garcia também afirmou que o registro de alta continuará no país por um bom tempo. O estado de São Paulo fará uma reunião na sexta-feira (9) para ponderar e analisar os próximos passos a serem tomados com as restrições.

Hoje, a região estadual segue na fase emergencial de contenção da covid-19, que é a mais limitada até então.

“A gente já sabe que não temos uma expectativa concreta de uma abertura, um “liberou geral”, a partir da semana que vem. Podemos avaliar setores ou segmentos que podem voltar a funcionar de maneira escalonada, mas a epidemia ainda está em alta”, salientou o vice-governador.

Leia mais notícias:

Concentradores de oxigênio para hospitais estaduais começam a ser entregues hoje em SP

10% da população brasileira já recebeu a 1ª dose de vacina contra covid-19

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você