Novas regras para fase vermelha em Campinas começam a valer na segunda-feira

Concessionárias, oficinas mecânicas e hotéis podem funcionar em partes; barreiras sanitárias irão permanecer

Por: Leonardo Fernandes | 10 abril - 09:35

Foi publicado na manhã deste sábado (10) o decreto com as novas medidas restritivas que irão valer em Campinas, e que entrará em vigor na segunda-feira (12). O documento estabelece regras que valerão durante a fase vermelha, estabelecida pelo Plano SP para toda região estadual. As barreiras sanitárias serão mantidas na cidade, para reduzir o deslocamento de moradores durante o “toque de recolher” à noite.

Atividades que estavam proibidas desde o dia 15 de março, quando foi estipulada a fase emergencial, voltarão. Confira a seguir a lista de mudanças que foram divulgadas:

Imagem ilustrativa de vírus. Município irá liberar alguns serviços que estavam proibidos desde o dia 15 de março. Foto: Reprodução/Pixabay

  • Retirada para todo o comércio, mas entrada em lojas proibida;
  • Reabertura de oficinas mecânicas;
  • Funcionamento de restaurantes de hotéis para atender hóspedes;
  • Assistência técnica para produtos eletrônicos;
  • Atendimento presencial de concessionárias de veículos;
  • Toque de recolher ainda em vigência;
  • Lacração de comércios irregulares;
  • Proibição de reuniões de mais de 10 pessoas;
  • Festas continuam proibidas;
  • Missas, cultos e celebrações religiosas em templos e igreja proibido;
  • Aulas presenciais com 35% da capacidade nas salas até fase laranja;

Até a tarde de sexta-feira (9), Campinas havia registrado 88,2% de ocupação nas UTIs Covid, e 67% dos leitos em enfermarias. O número de internações diminuiu 18,5%.

A fase vermelha no estado de São Paulo começará a partir de segunda, e a vacinação continua. Agora, professores e demais profissionais da área da Educação com mais de 47 anos podem ser vacinados. 

Leia mais notícias:

Anvisa se reúne com Rússia e Índia para tentar negociar a liberação de vacinas

Entre países do G20, Brasil é o 5º que mais aplicou vacinas em números totais

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você