Jundiaí proíbe comercialização de bebidas alcoólicas e terá fiscalização sanitária

Medida adotada é para tentar impedir a realização de festas e aglomerações

Por: Marina Correa de Genaro | 26 março - 13:05

Na manhã desta sexta-feira (26), o prefeito da cidade de Jundiaí, Luiz Fernando Machado (PSDB), realizou um pronunciamento pelo Facebook da Prefeitura de Jundiaí. Ele anunciou que haverá barreiras sanitárias nas entradas da cidade e a proibição da comercialização de bebidas alcoólicas.

Os supermercados terão restrição de acesso de uma pessoa por família e haverá fiscalização da venda de produtos não essenciais. A venda de bebida alcoólica será proibida em todos os estabelecimentos, inclusive os que realizam delivery.

Live Luiz Fernando

Foto: Reprodução/Facebook

Segundo Luiz Fernando, as medidas foram tomadas para proteger o cidadão de Jundiaí. “É inadmissível que os supermercados façam promoções de produtos que não são essenciais para gerar aglomeração. Não é momento para isso”.

Carla Basson, gestora de Segurança Municipal, anunciou que as forças de segurança de Jundiaí irão reforçar as ações de combate às aglomerações e festas clandestinas.

Neste final de semana, o transporte público também será restringido para desestimular a circulação de pessoas.

LEIA MAIS:

Bolsonaro critica medidas restritivas de estados e diz que “desemprego parte de quem pratica lockdown”

Pesquisador da Fiocruz afirma que a fundação faz estudos para produzir vacina nacional

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você