Governo inclui profissionais da Educação em grupo para vacina

O ministro de Educação confirmou a informação

Por: Bianca Antunes | 05 março - 14:41

O governo do presidente Jair Bolsonaro incluiu os trabalhadores da educação na lista de serviços essenciais, e consequentemente, no grupo prioritário para receber a vacina contra a covid-19. O documento foi encaminhado à corte na noite desta terça-feira (2) e visto pela Reuters.

Milton Ribeiro, ministro da Educação, confirmou a informação em post no Twitter.

LEIA MAIS NOTÍCIAS

Escolas em SP funcionarão na fase vermelha

Governo estuda variáveis para auxílio emergencial

Em nota, a Secretaria de Vigilância em Saúde, do ministério da Saúde, afirmou que entende que o ambiente de escolas e universidades são potenciais na exposição à infecção por covid. “Principalmente no ensino básico, esses profissionais possuem contato com muitos alunos simultaneamente, é de extrema relevância a vacinação dos trabalhadores da educação.”, informa a secretaria.

O documento ainda destacou que o fechamento das escolas no ano de 2020 impossibilitou evidências sobre seu papel nas cadeias de transmissão e que é preciso também avaliar os impactos psicossociais e socioeconômicos da interrupção das aulas.

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você