Governo inclui pessoas com HIV no grupo prioritário de vacinação

Todos serão considerados na lista de prioridades independente da contagem de linfócitos T-CD4+

Por: Bianca Antunes | 30 março - 15:06

O Ministério da Saúde incluiu, nesta segunda-feira (29), pessoas com HIV na faixa etária entre 18 e 59 anos na lista de prioridades para a vacinação contra a covid-19. O grupo deve ser vacinado após a finalização da imunização das pessoas de 60 a 64 anos.

As pessoas que vivem com HIV foram inseridas no grupo de comorbidades, juntamente com doenças como hipertensão e diabetes. No entanto, a nota não informa quantas pessoas serão vacinadas nesse grupo.

Vacina produzida pela Pfizer

Foto: Reprodução| Agência Brasil

O ministério afirmou que a nova inclusão visa “reduzir o impacto da pandemia nesse grupo, especialmente em relação ao risco de hospitalização e óbito, e respeitar o conceito de equidade do Sistema Único de Saúde (SUS)”.

Segundo a pasta, todos serão considerados na lista de prioridades independente da contagem de linfócitos T-CD4+. “O início da vacinação para este grupo será informado por meio do Programa Nacional de Imunizações”, afirma a nota.

LEIA MAIS:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você