Fiocruz diz que nova remessa de insumos garante vacinas até junho

A remessa será a sétima das 14 previstas e terá o suficiente para produzir 9 milhões de doses

Por: Maria de Toledo Leite | 22 abril - 18:17

Uma nova remessa de insumos para a produção de vacina contra a Covid-19 no Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos Bio-Manguinhos deve chegar da China no próximo sábado (24). O carregamento terá o suficiente para garantir a entrega de imunizantes até dia 2 de junho, segundo a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

Essa será a sétima de 14 previstas e terá o suficiente para produzir 9 milhões de doses. Isso será somado ao estoque de insumos para 7 milhões de doses que ainda restarão ao fim de abril, o que permitirá que 16 milhões de doses sejam produzidas até dia 12 de maio.

Fiocruz espera encerrar mês de abril com 26,6 milhões de vacinas entregues ao PNI

Foto: Govesp

A fundação também divulgou em quais datas o embarque das próximas seis remessas devem acontecer: 29 de abril, 12 18, 19 e 26 de maio e 2 de junho. No entanto, esse cronograma ainda pode sofrer mudanças.

Até agora, a Fiocruz recebeu insumos o suficiente para produzir 39 milhões de doses. Desse número, 31 milhões já foram de fato produzidas e 10,8 milhões foram entregues ao PNI (Programa Nacional de Imunizações).

Amanhã (23) devem ser liberadas mais 5 milhões de doses para distribuição aos estados e municípios e, na semana que vem, mais 6,7 milhões de doses.

LEIA MAIS NOTÍCIAS:

Covid: Fiocruz diz que a situação da pandemia no Brasil deve continuar “preocupante”

Primeiras doses da vacina contra covid-19 da Pfizer devem ser distribuídas na primeira quinzena de maio

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você