Final de semana: 450 festas em SP foram dispersadas pela Força-tarefa

No primeiro final de semana dos feriados antecipados, os policias operaram para impedir aglomeração

Por: Sophia Bernardes | 29 março - 12:55

No primeiro final de semana após o início dos feriados antecipados em São Paulo na tentativa de conter o avanço da Covid-19, aproximadamente 450 pontos de aglomeração foram dispersados na capital e na Região Metropolitana de São Paulo pela Polícia Civil, Vigilância Sanitária e a equipe da prefeitura da capital.

Nesse mesmo momento, os casos de óbitos, casos e internações seguem subindo e o sistema da saúde se encontra em uma situação cada vez pior. Nesses eventos predomina a faixa etária que mais tem sido acometida pela Covid-19 nessa fase da pandemia, que são os jovens.

Um médico denunciou através de um vídeo, uma festa na Zona Leste com som alto e aglomeração ao lado de uma unidade de pronto atendimento que atende pacientes com a doença. Segundo o médico, o som estava tão alto que atrapalhava a comunicação dos profissionais da saúde com os pacientes.

Festas clandestina no final de semana

Foto: Agência Brasil

Só nas noites de sexta-feira e sábado, foram registradas 454 dispersões de festas clandestinas realizadas pelo Comitê de Blitz – o Comitê engloba representantes da Vigilância Sanitária, do Procom e uma força tarefa das Polícias Militar, Civil e da Guarda Civil Metropolitana.

Bares também foram fechados na região central da capital paulista, principalmente na região do Brás, além disso bailes funks foram registrados em Heliópolis.

LEIA MAIS NOTÍCIAS

Após aglomerações no primeiro final de semana do feriado antecipado, Secretário de São Paulo faz apelo

Mais bares são fechados em São Paulo por aglomeração

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você