Em um mês, Câmara registrou 112 casos de covid-19. 21 parlamentares já morreram da doença

A Casa não divulga mais os dados de parlamentares e servidores diretos infectados, desde o final do mês passado

Por: Larissa Placca | 26 março - 20:12

Durante o mês de fevereiro, a Câmara dos Deputados registrou 112 casos de covid-19, segundo relatório solicitado por meio da Lei de Acesso à Informação (LAI).

A Câmara não divulga mais os dados de parlamentares e servidores diretos da Casa infectados, desde o final do mês passado.

Câmara dos Deputados em sessão remota devido a covid-19

Câmara dos Deputados em sessão remota devido a covid-19; Foto: Agência Brasil/Divulgação

Os casos foram registradas no período de sessão semipresencial, entre os dias 01/02 à 28/02, datas das eleições da presidência da Casa, quando eleito o presidente Arthur Lira (PP-AL).

A Câmara ainda não retornou o pedido de informação do número de infectados do mês de março.

Até fevereiro, desde o início da pandemia, 21 secretários parlamentares ligados aos deputados  morreram em decorrência da covid-19. Segundo os dados, apenas em janeiro deste ano, a Câmara registrou oito óbitos.

As sessões da Casa foram restringidas após morte do senador Major Olimpio (PSL-SP), caso agravado pela doença.

Major Olímpio é o terceiro Senador a morrer de covid-19

O presidente Arthur Lira decretou que as sessões presenciais deveriam ter o mínimo de servidores necessários e definiu que as sessões fossem remotas durante 15 dias.

“A medida é necessária diante do agravamento da pandemia”, dizia o comunicado de Lira. No entanto, durante o mês, foi notável a presença de parlamentares n Câmara.

A medida também foi tomada pelo presidente do STF, Luiz Fux. A medida foi tomada a partir de uma recomendação da Secretaria de Serviços Integrados de Saúde do tribunal, comandada pelo epidemiologista Wanderson Oliveira. Fux pediu as sessões 100% remotas.

No STF, o tema voltou em pauta após o aumento de casos. Desde março de 2020, o Supremo reduziu as idas ao plenário. De acordo com o tribunal, a presença tem sido mantida em patamar inferior a 10%.

Brasil registra 3.650 mortes por covid-19 em 24h e bate novo recorde. Hoje, o estado de São Paulo também bateu um novo recorde de mortes diárias com 1.193 vítimas em 24h. No total, o estado tem 2.392.374 infecções pelo vírus e 70.696 mortes.

Na última quinta-feira (25), uma pesquisa realizada pela Universidade Federal Fluminense apontou que, entre abril e maio, o Brasil pode chegar a 5 mil mortes diárias.

LEIA MAIS NOTÍCIAS

Bolsonaro diz que se for reinfectado com covid-19 vai tomar cloroquina

Reino Unido e União Europeia fecham acordo de cooperação em serviços financeiros

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:


Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você