Covid: com mais de 390 mil mortes desde o início da pandemia, Brasil registra 1.139 óbitos em 24h

Foram registrados 28.636 novos casos da doença no país

Por: Maria de Toledo Leite | 26 abril - 18:23

Nesta segunda-feira (26), o Brasil registrou 1.139 vidas perdidas para a Covid-19. No domingo (25), o país já havia ultrapassado a marca dos 390 mil óbitos, e hoje totaliza 391.936 mortes causadas pelo coronavírus. São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais são os estados com maior número de óbitos.

Com esses dados, a média móvel diária de mortes dos últimos 7 dias é de 2.466, mais baixa do que a registrada ontem, que já representava queda em relação aos números registrados há 14 dias.

Em relação aos casos confirmados de Covid-19, o país conta com 14.396.423 pessoas que tiveram ou têm a doença, sendo que 28.636 deles foram contabilizados nas últimas 24 horas. Além disso, a média móvel diária de casos dos últimos 7 dias é de 56.533, número que também está em queda.

De acordo com o Ministério da Saúde, mais de 12,8 milhões de pessas infectadas conseguiram se recuperar. Porém, estudos recentes mostram algumas das consequências que a doença pode deixar nos pacientes que sobrevivem.

No sábado (24), o mês de abril se tornou o mais letal da pandemia no Brasil. A 6 dias de seu fim, abril já contabilizou 68 mil vidas perdidas para a doença, superando o recorde de março, que teve 66.868 mortes.

De acordo com o balanço da vacinação divulgado neste domingo (25), a primeira dose de imunizante foi aplicada em mais de 29 milhões de brasileiros desde janeiro. No entanto, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, afirmou nesta segunda-feira que está preocupado com a escassez de vacinas para a segunda aplicação.

O mundo ultrapassou a marca de um bilhão de doses administradas, com a maioria delas nos Estados Unidos, China e Índia.

LEIA MAIS NOTÍCIAS:

Contra recorde de Covid-19 e falta de oxigênio, países oferecem ajuda à Índia

Covid: mundo registra 899,7 mil casos da doença em 24h e bate novo recorde

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você