Brasil registra 2.922 mortes e mais de 70 mil casos em 24 horas

No total foram 328.206 vidas perdidas

Por: Maria de Toledo Leite | 02 abril - 19:39

Segundo dados do Ministério da Saúde e Conass, nesta sexta-feira (2) foram registradas 2.922 mortes por Covid-19 e 70.238 casos da doença no Brasil. Com esses novos dados, o país soma mais de 328 mil vidas perdidas e 12.910.082 pessoas diagnosticadas com coronavírus.

Nesta semana, pela primeira vez desde o começo da pandemia, o Brasil registrou mais de 3 mil mortos por Covid-19 e a média móvel de óbitos bateu o recorde de 3.117 vidas perdidas para o vírus. Depois do balanço de sexta, essa média caiu um pouco, marcando 3.013. No momento, a média móvel de casos é de 72.238.

Mão de profissional da saúde aplicando vacina no braço de uma senhora

Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil

Dados divulgados pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) mostram que a letalidade do coronavírus no Brasil é de 2,5%. Segundo o Ministério da Saúde, mais de 11 milhões de pessoas se recuperaram da doenã no país.

No entando, o Brasil enfrente uma situação devastadora em relação aos números e dados divulgados sobre a pandemia. O país lidera os rankings de mortes e casos, sendo a nação com maior número de vidas perdidas, segundo a plataforma Our World in Data.

Além disso, março foi o mês mais letal da pandemia, sendo que 1 a cada 5 brasileiros com covid-19 morreu nesse último mês.

Fora isso, o Brasil também passou a ser motivo de preocupação mundial. A epidemiologista Maria van Kerkhove, da Organização Mundial da Saúde (OMS), por exemplo, chegou a falar que o país se encontra em uma situação crítica e que os hospitais estão sobrecarregados devido a pandemia da Covid-19. A variante do vírus encontrada no Brasil também preocupa os líderes extrangeiros.

1º caso de variante de vírus encontrada no Brasil é identificada em Nova York

Devido essa crise hospitalar, o país também enfrenta problemas como o desabastecimento de oxigênio e dos chamados “kit intubação”, medicamentos usados em pacientes intubados com Covid-19.

A campanha de vacinação no Brasil ainda tem ritmo lento. Pela primeira vez desde seu início, o país vacinou, nesta quinta-feira (1º), 1 milhão de pessoas em 24 horas, atingindo a marca de 23.807.845 de doses aplicadas, no total. Com a primeira dose, aproximadamente 18,5 milhões de brasileiros foram vacinados (8,78% da população). Com a segunda foram aproximadamente 5,2 milhões (2,47%).

LEIA MAIS NOTÍCIAS:

Abertura de hospital de campanha em SP é adiada por atraso com oxigênio

Oxford/AstraZeneca: Fiocruz entrega hoje 1,3 milhão de doses da vacina

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você