Anvisa concede autorizações para fabricação de oxigênio medicinal

Agência deve monitorar a produção e distribuição do insumo para pacientes com covid-19

Por: Murilo Amaral Feijó | 23 abril - 20:32

Nesta sexta-feira (23), a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) concedeu autorização a três empresas para a fabricação de oxigênio medicinal, que será distribuído aos hospitais para o tratamento de pacientes com covid-19.

No início de abril, um levantamento feito pelo Conselho Nacional de Secretaria Municipais de Saúde, indicou que mais de mil cidades no país têm dificuldades no abastecimento de oxigênio.

Lote de cilindros de oxigênio medicinal

Foto: Governo do Estado de São Paulo

De acordo com a Anvisa, as autorizações são um reforço para o abastecimento do insumo nos hospitais, durante um momento crítico da pandemia de covid-19. “As autorizações foram aprovadas de acordo com o fluxo de priorização de demandas relacionadas ao enfrentamento da pandemia, estabelecido em março de 2020”, explicou a Agência.

As empresas beneficiadas com a autorização da Anvisa são: Oxi-Borges Comércio de Gases Industriais e Medicinais, Oeste Comércio de Gases Derivados do Ar e Oxigênio Cariri.

LEIA MAIS NOTÍCIAS

Estudo mostra que hidroxicloroquina aumenta mortes de pessoas com Covid, diz estudo

França registra mais 5 casos de trombose depois de aplicação da vacina de Oxford

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você