SP: Pacientes com câncer reclamam de não estarem no grupo prioritário da vacinação do coronavírus

O relato acontece após o governo do estado anunciar vacinação em outros grupos como pessoas com problemas renais ou síndrome de down

Por: Aline Bueno Silvestre | 22 abril - 20:27

Pacientes que estão em tratamento de câncer, doença fator de risco da Covid-19, reclamam de não estarem incluídos na campanha do grupo prioritário da vacina em São Paulo.

Mais de 300 mil novos casos de câncer foram diagnosticados no Brasil em 2020, com mais da metade sendo no estado de São Paulo.

Pacientes com câncer reclamam de não estarem em grupo prioritário da vacina contra a Covid-19 em SP

Foto: Reprodução/Pixabay

Veja quais são as comorbidades prioritárias para a vacinação contra a covid-19

Na terça-feira (20), o estado anunciou a vacinação do grupo prioritário. Entram nesse grupo pessoas com síndrome de down, hipertensão, com problemas renais ou obesidade mórbida. Os pacientes com câncer não foram incluídos.

Em nota, o governo estadual falou que o governo federal “não especificou quais os critérios de priorização das pessoas com comorbidades, sem divisão de grupos ou definição de escala”.

Foram 159.350 novos casos, sendo 84.420 em mulheres e 74.930 em homens no estado de São Paulo em 2020.

*Com informações do G1.

LEIA MAIS:

Bruno Covas segue internado para tratamento de câncer; prefeito ainda não tem previsão de alta

Em live semanal, Bolsonaro comenta decisão do STF e afirma saber “onde está o câncer do Brasil”

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você