Rio tem mais de 1,3 mil leitos ociosos mesmo com pacientes na fila

No total, são 1.392 leitos ociosos em 34 emergências e hospitais da cidade

Por: Aline Bueno Silvestre | 30 março - 19:30

Na cidade do Rio de Janeiro, 1.392 leitos estão fechados enquanto mais de mil pacientes aguardam na fila para conseguir um. No total, eles estão em 34 hospitais da cidade e a maioria está ocioso por falta de funcionários.

De acordo com o G1 e com informações divulgadas no RJ1, no Hospital Federal Cardoso Fontes, em Jacarepaguá, Zona Oeste do Rio, os pacientes estão sendo acomodados em cadeiras e corredores. Enquanto isso, na mesma unidade, 56 leitos estão fechados.

Rio de Janeiro tem mais de 1,3 mil leitos parados

Foto: Eliane Carvalho / Governo do Estado do RJ

“Um local que foi projetado para ter cinco pacientes está com 16 pacientes de Covid, seis pacientes intubados e apenas quatro técnicos de enfermagem e um enfermeiro.”, afirma Cristiane Gerardo, servidora do Hospital.

As informações mostram que o acontecimento é devido a falta de funcionários na unidade. Na cidade, dos 1.392 leitos, 954 são das redes federais, 219 das estaduais e 194 das municipais.

Outro caso acontece na Zona Sul do Rio, no Hospital Federal da Lagoa. Eles possuem 125 leitos fechados e as enfermarias estão trancadas com cadeado, para não ter acesso.

A situação na cidade

Apesar do feriado prolongado que foi anunciado na cidade, a busca por leitos ainda está grande. Em 26 de março, o Rio de Janeiro registrou a maior ocupação de leitos de UTI desde o começo da pandemia.

No entanto, a Prefeitura do Rio de Janeiro anunciou que abriu 363 leitos e contratou mais de 3 mil profissionais da saúde. As informações foram publicadas no G1.

LEIA MAIS:

RJ inicia pesquisa para identificar variantes da covid-19 no estado

Prefeitura do RJ anuncia ‘auxílio carioca’ durante os 10 dias de feriado prolongado

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você