Thiago Brava revela inspiração para música “Dona Maria”: “Casamento à moda antiga”

No mês passado, o hit sertanejo foi o segundo mais tocado nas rádios do Brasil

Por: Redação Metropolitana | 09 março - 1:59 PM | comentários

Com apenas seis anos de carreira, Thiago Brava já é considerado um dos maiores sertanejos do país. O contato com a música começou aos 12 anos, quando ganhou um cavaquinho de presente. Aos 13, formou sua primeira banda, “Zero à Esquerda”, composta por alguns de seus amigos. Desde então, o artista não largou mais o ramo musical.

Apesar do sucesso vigente, o início da carreira artística não foi tão fácil. Formado em Publicidade e Propaganda, o goiano teve de provar para si que era capaz de tirar o próprio sustento da música. Mesmo contra a vontade dos pais, Thiago provou que conseguiria viver da arte.

“Sempre tive isso como hobbie. No fundo, sabia que ia virar artista porque era meu sonho. Não tinha como não ir atrás”, conta, em entrevista à Metropolitana FM.

Em 2011, Thiago escreveu a canção “As Mina Pira” e viu a carreira decolar. No ano seguinte, o sertanejo virou figura carimbada em rádios e programas de televisão com “360 – O Arrocha do Poder”.

De lá para cá, lançou três CDs e DVDs, viajou à Europa e aos Estados Unidos com turnês. Dos maiores hits, “Dona Maria” não para de proporcionar alegrias ao artista. A canção caiu no gosto popular e já ultrapassou 200 milhões de visualizações no YouTube.

“Só tive certeza que daria certo quando ela ficou pronta. Não esperava tanto sucesso por se tratar de uma música simples, de estilo diferente do que estou acostumado. Graças a Deus o povo abraçou”, diz.

Sucesso nas rádios pelo Brasil, a melodia foi a segunda mais tocada do mês de fevereiro. Só ficou atrás de “Apelido Carinhoso”, de Gusttavo Lima. Feliz com a conquista, Thiago contou à reportagem que “voltou ao passado” para escrevê-la.

“Compus inspirado em outras histórias. Imaginei como seria um pedido de casamento à moda antiga, mas, na realidade, foi porque sou meio maloqueiro. Ando com boné para trás e bermuda, gosto de incomodar. Foi algo baseado em mim”, afirma.

Cheio de gás, engana-se quem pensa que Thiago vai parar tão cedo. Para este ano, o sertanejo promete um DVD, que será gravado nos próximos meses. Tanto trabalho tem um preço: a saudade.

“O maior desafio é ficar longe da família e pessoas que gostamos, mas é o nosso trabalho. Poder levar mensagem às pessoas é uma dádiva divina”, finaliza.

Deixe seu comentário