Shakira é acusada de cometer fraude fiscal de R$97 milhões

A popstar fingiu que não morava no país para esconder sua renda, por meio de uma rede de empresas.

Por: Pedro Henrique Amaral Ferreira | 22 abril - 13:33

A Agência Tributária da Espanha enviou um relatório à justiça do país, que aponta uma fraude da cantora colombiana Shakira no valor de € 14,5 milhões (algo em torno de R$ 97 milhões no câmbio atual). Este montante milionário corresponde a impostos não pagos entre os anos de 2012 e 2014, por supostamente declarar que não residia na Espanha e ocultar sua renda através de outras empresas.

A popstar fingiu que não morava no país para esconder sua renda, por meio de uma rede de empresas.

Shakira

(Foto: Reprodução)

O corpo jurídico de Shakira argumentaram que a artista ficou menos de 184 dias na Espanha em decorrência de suas turnês e outras apresentações, o que não obrigaria a cantora pagar os impostos em questão. Porém, os técnicos que analisaram o caso não aceitaram os argumentos da defesa e comprovaram que ela, de fato, precisaria ter quitado os impostos.

Novos depoimentos, entre os técnicos da receita espanhola e a defesa de Shakira, acontecerão no dia 8 de julho.

LEIA MAIS:

Cardi B e Shakira registram nova música juntas “Estoy Lamida”

Jornal Britânico aposta em parceria entre Anitta e Shakira para o próximo álbum da brasileira

Confira tudo que rolou no mundo dos famosos:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você