Dez anos sem Chorão: fãs relembram fatos marcantes do vocalista do Charlie Brown Jr.

Por: David Mesquita | 06/03/23 - 20:23

Nesta segunda-feira (6), completou dez anos da morte do cantor Alexandre Magno Abrão, conhecido popularmente como Chorão e vocalista da banda de rock Charlie Brown Jr. Uma década após o falecimento do roqueiro, fãs prestaram homenagens ao ídolo pelas redes sociais.

+ “Chorão: Marginal Alado”, documentário sobre o vocalista do Charlie Brown Jr., ganha trailer; confira!

Em 2013, nesta mesma data, Chorão foi encontrado morto em seu apartamento após sofrer overdose ocasionado pelo uso de cocaína. O laudo do exame necroscópico, concluído pelo Instituto Médico Legal, apontou resultado confirmando que foram encontradas no corpo de Chorão, 4,714 microgramas de cocaína por mililitro de sangue, reforçando a conclusão de que o cantor faleceu por conta de “intoxicação exógena devido à cocainemia”.

O roqueiro ainda apresentava miocárdio hipertrófico, responsável pelo aumento do tamanho do músculo do coração; coronarioesclerose grave, com bloqueio das artérias coronárias por gordura; nefroesclerose renal, com alteração no tecido do rim; edema cerebral e esteatose hepática, representando excesso de gordura no fígado.

Dez anos sem Chorão: fãs prestam homenagens ao roqueiro

Pelas redes sociais, publicações de diversos fãs citaram o legado deixado por Chorão na música, em meio a sucessos, polêmicas e a formação de uma figura marcante do rock nacional.

SAIBA AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS DA MÚSICA:

+ Ex-BBB que tatuou símbolo da banda Blink-182 se desespera ao saber sobre cancelamento do show

+ Quem substituirá Blink-182 no Lollapalooza Brasil 2023? Festival define nova atração

+ MC Bin Laden, do hit “Tá Tranquilo, Tá Favorável”, celebra lançamento de sua parceria com Gorillaz