Após polêmica, equipe de Chico Buarque se manifesta e revela se música de Adele é plágio ou não de “Eu te amo”

A semelhança entre as duas canções foi apontada por diversos usuários na web

Por: David Mesquita | 24 novembro - 21:54

Após vários internautas apontarem que a introdução de piano na música “To Be Loved”, faixa do novo álbum de Adele, “30”, é uma possível cópia de um trecho de “Eu te amo”, canção de Tom Jobim e Chico Buarque, de 1980, a equipe do cantor brasileiro afirmou que o hit da cantora britânica não pode ser considerada um plágio.

A afirmação foi confirmada por Vinicius França, empresário de Chico Buarque.

A discussão começou na web e a semelhança entre as duas músicas foi apontada por diversos usuários das redes sociais. Um tweet mostra as duas, tocadas uma depois da outra.

Ouça e compare:

As acusações do suposto plágio teve também a participação de profissionais musicais, que explicaram não se trataria de um caso de plágio, mas de um padrão harmônico simples, comum no mundo da música.

Teve até internauta que tirou um tempinho para analisar com calma:

Vale lembrar que em setembro deste ano, Adele foi acusada de plágio pelo compositor mineiro Toninho Geraes, autor da canção “Mulheres”, sucesso na voz do cantor Martinho da Vila, em 1995.

Segundo Toninho, o plágio está evidente na faixa “Million Years Ago”, faixa presente no álbum “25”. De acordo com  notificações extrajudiciais enviadas em maio para a britânica e sua gravadora, as notas supostamente copiadas de “Mulheres” correspondem a 87% da música citada cantada por Adele.

MAIS DE ADELE:

Internautas apontam nova música de Adele como plágio de canção de famosos cantores brasileiros

Compositor brasileiro acusa Adele de plagiar um enorme hit do samba; saiba detalhes

Assista ao Chupim Metropolitana AO VIVO no YouTube:


Inscreva-se no Chupim Metropolitana para não perder as lives!…

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você