Jade Picon pode atuar? Sindicato dos Artistas se pronuncia após contratação em novela

Por: Redação Metropolitana | 21/06/22 - 14:20

Após a ex-BBB Jade Picon ser confirmada no elenco da novela “Travessia”, da Rede Globo, o presidente do Sindicato dos Artistas e Técnicos, Hugo Gross, explicou como a influenciadora conseguiu um papel de atriz na emissora, considerando que não possui formação na área.

+ Veja mais notícias da TV

Vale lembrar que anteriormente, Hugo havia revelado que tomaria medidas cabíveis para a celebridade não tomar espaço na televisão, por não achar justo. Desta vez, ao portal “Em Off”, Gross esclareceu que Jade Picon recebeu uma autorização especial e temporária para participar da atração, que equivale a 5% de sua remuneração.

Na ocasião, ele explicou que essa é uma autorização que segue a lei, já que ela permite que empresas de teatro, de cinema ou de teledramaturgia, pode conceder um número específico para a pessoa que vai participar daquela obra.

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por JADE 🌪 (@jadepicon)

Jade Picon pode atuar? Confira o pronunciamento de Hugo Gross na íntegra:

Continuamos a defender o registro profissional com unhas e dentes e vamos defender sempre. O Sated dentro da Lei 6533/78 não tem poder de polícia, mas dentro da lei existe uma lacuna, em que qualquer empresa de teatro, de cinema ou de teledramaturgia, que seja de shows, tem o direito a um número específico de cada produto.

Por isso, existe autorização especial para aquele produto. Nesse caso da Jade Picon, nós demos uma autorização especial e específica para aquele produto, válido para o período que foi pedido. Dentro de uma obra podem ter, se eu não me engano, três para cada produto. Então mais que isso não pode ser feito.

O sindicato não está aqui para tolir trabalho de ninguém. Muito menos das empresas. Está aqui pra proteger a lei. E quando a coisa é feita dentro da legalidade não tem como negar isso. A Rede Globo fez dentro da legalidade. Foi feita uma reunião e nós cedemos uma autorização específica para o produto. E continuaremos lutando e defendendo a classe.

Vale salientar que o SATED não tem poder de polícia, tem poder de ações e se tiver que fazer várias ações junto ao Ministério do Trabalho, assim será feito em respeito ao trabalhador da arte. Também pedimos para que utilizem e tentem utilizar mais pessoas com registro profissional.”, diz a nota.

Confira TUDO que está rolando nas telinhas da TV:

+ De cueca?! Sílvio Santos deixa calça cair ao vivo e momento constrangedor viraliza: “Pronto”

+ Anne Duarte cai no choro depois do desempenho de Pe Lanza: “Só otário cai nessa”

+ Ameaças e agressão? Veja os melhores flagras de traição em novelas brasileiras

Confira tudo que está rolando no mundo dos famosos!