Wagner Ribeiro cita Icardi e Zanetti como envolvidos na má passagem de Gabigol na Itália

Atacante não teve sucesso no clube italiano

Por: Caio César | 08 abril - 21:11

Apesar de estar entre os melhores jogadores do futebol brasileiro, Gabigol ainda é questionado por sua passagem apagada na Europa, onde atuou por Inter de Milão e Benfica. No entanto, em defesa do jogador, Wagner Ribeiro, empresário envolvido na transferência do atacante para a Itália após as Olimpíadas de 2016, acusou Javier Zanetti e Mauro Icardi, argentinos que estavam na Nerazurri, de serem os responsáveis pela falta de oportunidades ao brasileiro, devido aos ciúmes que possuíam.

“Como poderia dar certo, se não jogou? Ele chegou à Inter, e fizeram uma festa enorme em um teatro. Todo mundo de black-tie. Uma festa muito maior que a do Kaká. Isso causou ciúme no Zanetti, que era diretor do clube, e no Icardi, que era dono do time. Isso é dedução minha, mas os dois argentinos ficaram com ciúme dele. Foi para Portugal, e não era escalado. Voltou para o Santos e foi artilheiro do Brasileirão e repetiu a dose no Flamengo.” – afirmou.

Agente cita Icardi e ídolo da Inter de Milão por má passagem de Gabigol na Itália

Foto: Marcello Cortes/CRF

Em 2018, Gabriel Barbosa retornou para o Santos e foi o artilheiro do Campeonato Brasileiro com 18 gols, porém não permaneceu na equipe santista por causa do valor pedido pela Internazionale. Assim, o Flamengo concluiu o empréstimo do atleta em 2019, onde novamente terminou como goleador da competição nacional, além de conquistar o Brasileirão e a Libertadores da América, fator que contribuiu para o rubro-negro comprar o seu passe em definitivo.

LEIA MAIS

De volta aos treinos, Pedro ainda é dúvida no Flamengo para a decisão da Supercopa

Flamengo e Grêmio miram a contratação de Lucas Torreira, meio-campista do Atlético de Madrid

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:


Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você