Por respeito, treinadores argentinos fazem aulas de português

Hernán Crespo e Ariel Holan dão aula de simpatia e respeito ao país que trabalham

Por: Thaynara Bernardo da Silva | 13 abril - 09:16

Nos últimos anos, os técnicos estrangeiros viraram a nova ‘moda’ no futebol brasileiro. Jorge Jesus, Sampaoli, Jesualdo Ferreira entre outros já passaram por aqui. No entanto, nenhum deles saiu daqui com uma nova língua no currículo. Ultimamente, o futebol paulista adotou a filosofia estrangeira. Abel Ferreira desembarcou no Brasil em novembro de 2020 para comandar o Palmeiras.

Já na atual temporada, os argentinos Ariel Holan e Hernán Crespo chegaram em solo brasileiro para treinar Santos e São Paulo, respectivamente. Ambos tem chamado atenção pelo respeito ao novo país. A saber, os hermanos têm feito aulas particulares de Língua Portuguesa.

Hernán Crespo e Ariel Holan

Twitter/ Reprodução/ @Crespo / @arielholan_DT

Ariel Holan

O comandante está há pouco mais de um mês no Brasil, mas já arrisca algumas palavras em português. Logo na primeira reunião com o plantel santista, Holan prometer aprender o idioma o mais rápido possível. Para o treinador, falar espanhol sem ao menos tentar o ‘portunhol’ seria falta de respeito. Na sua visão, ele e sua comissão precisam se adaptar ao novo país, e não o clube se adaptar à eles.

Na coletiva de imprensa após a vitória sobre o Deportivo Lara, no dia 9 de março, Ariel falou devagar e tentou ao máximo reproduzir as palavras que aprendeu e, novamente pediu desculpa por ainda não saber o sufuciente. Vale lembrar que o último técnico argentino do Peixe, Jorge Sampaoli, não pronunciou uma palavra se quer em português.

Hernán Crespo

Outro argentino que tem se esforçado muito para aprender a língua do país onde trabalha é Hernán Crespo. O técnico do São Paulo pretende aprimorar a comunicação com seus atletas, e se adaptar à rotina brasileira: “Vou tentar, porque acho que é uma questão de respeito à esse país, ao lugar onde estou e às pessoas. Ademais, culturalmente eu gosto de aprender”, disse Crespo.

No último sábado (10), o Tricolor voltou a campo após paralisação do Campeonato Paulista, e o treinador já mostrou que as aulas estão surtindo efeito: “Faço confusão, mas com calma eu chego lá. Não agora, mas daqui a um tempo fico melhor”, concluiu.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Sergio Ramos testa positivo para a Covid-19

Manchester City próximo de contratar Kayky, do Fluminense

Confira os duelos decisivos desta terça-feira pela Champions League

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você