Nacional-URU aciona Palmeiras na FIFA por clausula do contrato de Matías Viña

Acordo diz que o Alviverde deve comprar mais uma parcela após atleta disputar 33 partidas

Por: Caio César | 08 abril - 19:58

Requisitado pelo futebol europeu e um dos destaques da última temporada do Palmeiras, Matías Viña assinou contrato com a equipe em 2020 após acordo com o Nacional, do Uruguai. Nesse sentido, devido à clausula imposta na negociação, a equipe uruguaia acionou o Alviverde na FIFA pela falta do pagamento de mais 7,5% dos direitos do lateral-esquerdo.

Segundo o clube, havia uma meta de 33 partidas disputadas pelo atleta para a realização da aquisição da porcentagem. No entanto, o Verdão já havia notificado a diretoria do Nacional que a parcela seria adquirida, porém apenas no mês de julho, visto que a ausência da receita de bilheteria, entre outros problemas causados pela pandemia, complicou o fluxo de caixa de todos os clubes brasileiros.

Nacional-URU aciona Palmeiras na FIFA por clausula do contrato de Matías Viña

Foto: Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Por fim, o Palmeiras aguarda o desfecho do processo realizado pela entidade, porém segue liberado para registrar novos atletas, diferente de casos recentes, como o Santos com a transferência de Cléber, ex-zagueiro do Alvinegro. Segundo o advogado do clube, Andre Sica, a surpresa com a situação se deve a falta de diálogo com a diretoria Alviverde para a resolução, além de ressaltar ter sido uma atitude precipitada dos uruguaios.

“A gente entende completamente o desespero do Nacional pelo pagamento, mas entenderíamos melhor se eles tivessem entrado em contato e conversado com o Anderson (Barros), explicando a situação de extrema necessidade. O Nacional talvez tenha esquecido que o Palmeiras tem uma gestão profissional, sabemos onde estamos pisando. Como a escolha foi por usar a FIFA como meio de coerção de forma despreparada, o Nacional terá de esperar e entrar na fila de processos agora” – analisou.

LEIA MAIS

Com golaço de falta de Scarpa, Palmeiras vence Defensa y Justicia por 2 a 1 e abre vantagem na Recopa Sul-Americana

De volta aos treinos, Pedro ainda é dúvida no Flamengo para a decisão da Supercopa

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo: