Na Bombonera, Santos perde para o Boca Juniors e se complica na Libertadores

Agora, Peixe precisa tentar vencer todos os jogos se quiser se classificar para a próxima fase

Por: Thaynara Bernardo da Silva | 28 abril - 06:22

Na noite desta terça-feira, o Santos perdeu mais uma na Conmebol Libertadores e começa a ver sua situação na competição se complicar ainda mais. A derrota por 2 a 0 para o Boca Juniors foi mais um dos dias conturbados do Peixe. Vale lembrar que a equipe vem de derrota na estreia do torneio – para o Barcelona de Guayaquil, em casa, também por 2 a 0 – além de jogos sofríveis no Estadual. Com o resultado das últimas partidas, Ariel Holan pediu demissão na última segunda-feira (26).

Após a derrota, o interino, Marcelo Fernandes, falou sobre a saída de Holan e se diz surpreso com a decisão do agora ex-técnico do Santos: “Fomos pegos de surpresa ontem com a notícia do desligamento do Holan. A equipe já tinha um plano de jogo, procuramos seguir tudo da melhor maneira possível”.

João Paulo e Vladimir após o jogo

Foto: Ivan Storti/ Santos F.C.

Primeiro Tempo

Sob o comando de Marcelo, o Santos se portou diferente dos últimos jogos e demonstrou interesse em pressionar o rival, mesmo fora de casa. Com energia e muita intensidade, o Peixe conseguiu evitar sufoco dos argentinos e criou as primeiras chances em roubadas de bolas no campo do ataque, mas nenhuma finalização com perigo.

O Boca Juniors estava com o meio-campo repleto de jovens e, com isso, só conseguiu dar seu primeiro chute à gol aos 15 minutos, com Villa, mas João Paulo defendeu. No decorrer do jogo, os Xeneizes foram crescendo e aproveitando os espaços deixados pelo Santos. Inclusive, a melhor chance foi com Pavón, no fim do primeiro tempo. O camisa 31 driblou Lucas Braga, mas seu chute parou no goleiro santista.

Segundo Tempo

Na volta do intervalo, Carlitos Tevez precisou apenas de dois minutos para abrir o placar. Aliás, a jogada deu início em cobrança de escanteio, que não existiu, pois Villa foi o último a tocar na bola em disputa na linha de fundo. Os jogadores do Santos reclamaram de impedimento, mas Marcos Leonardo dava condição no lance.

Após isso, o Boca Juniors controlou a partida e ditou o ritmo. O Peixe viveu de jogadas individuais de Marinho, que visivelmente não vem bem e estava bastante nervoso. Com isso, o camisa 11 tentou diversas vezes resolver sozinho e numa bola perdida, o Boca armou o contra-ataque e Tevez encontrou Villa sozinho na entrada da área para finalizar e definir a vitória argentina.

Com o péssimo resultado, o Santos continua zerado em pontos e na lanterna do Grupo C na Libertadores 2021. Nesta noite, às 23h, Barcelona-EQU e The Strongest – próximo adversário do Peixe – se enfrentam e a possibilidade “menos pior” é o empate entre as equipes. O Boca Juniors, por sua vez, pulou para seis pontos e encaminha sua classificação para a próxima fase do torneio continental,

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você