Manchester City e Chelsea têm ‘dúvidas’ sobre continuar na Superliga após repercussão negativa

Informação é do jornal "The Guardian"

Por: Amanda Oliveira | 20 abril - 11:09

Após a repercussão negativa entre torcedores e jogadores sobre a criação da Superliga, dois dos clubes que estavam envolvidos na criação da competição já estão com “dúvidas” sobre a continuidade no projeto. São eles Manchester City e Chelsea.

Segundo informações do jornal “The Guardian”, houve discussões internas no congresso da Uefa sobre um possível recuo dos dois clubes ingleses.

Foto: Ian Walton/APF

As informações dos bastidores ainda afirmam que algumas equipes aceitaram a proposta por medo de ficar de fora caso o projeto tivesse sucesso. Esse teria sido o caso do City e do Chelsea, mas, ao verem que a proposta não foi bem aceita, já estariam reconsiderando recuar.

Entenda a Superliga

No domingo (18), doze grandes clubes da Europa anunciaram a criação de uma Superliga, são eles: Arsenal, Chelsea, Liverpool, Manchester City, Manchester United e Tottenham, da Inglaterra. Atlético de Madrid, Barcelona e Real Madrid, da Espanha; além de Inter de Milão, Juventus e Milan, da Itália. Bayern, B. Dortmund e PSG recusaram participar da nova competição.

No entanto, quem não gostou nada da ideia foi a Uefa. A entidade ameaçou punir severamente os clubes e jogadores envolvidos: “Todos os clubes e jogadores que participarem da Superliga podem ser banidos de todas as competições da Uefa e Fifa, europeias ou internacionais”.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Técnico do Manchester City, Pep Guardiola fala sobre Superliga e Uefa: “Todos pensam por si”

Presidente do Corinthians descarta contratação de Renato Gaúcho e garante permanência de Mancini

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você