Jogos do Campeonato Paulista recebem maior prazo de suspensão após governo de São Paulo ampliar fase emergencial

A paralisação estabelecida antes era até 31 de março

Por: Julia Simões Romano | 26 março - 17:22

Nesta sexta-feira (26), o vice-presidente Rodrigo Garcia (DEM) anunciou a extensão do prazo da fase emergencial no Estado de São Paulo até o dia 11 de abril. Antes desta medida, o prazo iria até 31 de março. Desse modo, o futebol no Estado continuará suspenso por um período maior.

A Federação Paulista de Futebol segue impossibilitada de realizar as partidas do Campeonato Paulista nos seus locais de origem. A medida que a instituição tomou foi buscar outras cidades para dar sequência ao Paulistão.

Jogos do Campeonato Paulista recebem maior prazo de suspensão após Governo de São Paulo ampliar fase emergencial

Foto: Marcos Ribolli

Os jogos entre São Bento X Palmeiras e Mirassol X Corinthians foram realizados em Volta Redonda, no Rio de Janeiro. Já o confronto que estava marcado para a última quinta-feira (25), entre Ponte Preta e Santos, em São Januário, foi suspensa após a prefeitura do Rio de Janeiro proibir que partidas de times de outros estados fossem realizadas na cidade.

“No momento em que o número de mortes provocadas pela COVID-19 dispara em todo o país, a Prefeitura do Rio emprega todos os meios necessários para conter o coronavírus e proteger vidas. Por isso, será proibida a realização de qualquer partida de futebol entre clubes de outros estados ou competições interestaduais no município, a partir desta quarta-feira (24/03)”, anunciou a Prefeitura do Rio de Janeiro.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS:

Pela Copa do Brasil, Corinthians enfrenta o Retrô-PE nesta sexta-feira; veja prováveis escalações

Delegação do Corinthians só deve viajar para Saquarema no mesmo dia do jogo pela Copa do Brasil

Confira os últimos acontecimentos no Estado de São Paulo:

Deixe seu comentário

BOMBOU!

Recomendadas para você